quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

Espírito do tempo

Não foi premiado pela Academia, mas tem invadido o planeta como uma onda gigante. Zeitgeist unirá, dia 15 de Março, espectadores de todo o mundo numa atitude crítica em relação a verdades, até agora (quase) inquestionáveis

Texto Dina Cristo

Depois de nove meses disponível “on line” e quatro após a sua apresentação no IV Festival Anual de Filmes Artísticos, chegará dia 15 de Março (Dia-Z) às salas públicas e privadas de todo o mundo.

O filme foi escrito, realizado e produzido por Peter Joseph (pseudónimo) da GMP LLC e, em duas horas, apresenta, numa trilogia, o Cristianismo, o Terrorismo e a Banca como alguns dos maiores mitos da Humanidade. A fé da maior parte das pessoas, ao longo da história, em Jesus histórico, no inimigo estrangeiro terrorista e nos banqueiros internacionais é questionada. «Será que alguém ainda credita que não é escravo da Religião, do Terror e do Dinheiro?», interroga-se, a propósito, em “Cinemanotebook”.

Realizado sem fins lucrativos, a película defende a tese de que “Somos todos UM» e que a crença de que estamos separados uns dos outros tem sido uma das principais causas para a ignorância, passividade e alienação da massa, "rebanho" controlado pela elite (religiosa, política e comercial), cuja exploração o filme denuncia.

Elogiado sob o ponto de vista técnico e artístico, o documentário disponibiliza, no seu site, a bibliografia em que baseou a investigação para cada parte do filme que, como sinal dos tempos, tem inundado o planeta: foi visto, até Novembro de 2007, por cerca de oito milhões de espectadores.

Portugal também se junta ao Dia-Zeitgeist, quando será exibido um pouco por todo o país. Em Aveiro será projectado no Mercado Negro (em Esgueira), às 22h; em Cascais no Lótus Bar, às 16h; em Coimbra, na Livraria Almedina Estádio, às 15h 15m; em Espinho no centro Multimeios, às 14h e 19h; em Guimarães, na Universidade do Minho, às 21h e em Lisboa em três locais: Crew Hassan, às 22h; Associação Portuguesa de Surdos, às 21h, e Cinemalfa às 21h 30m.

Para quem quiser antecipar ou (re)ver, aqui ficam disponíveis as ligações, em dez minutos cada, de todo o filme:
0 - Abertura
I - A maior história já contada (Cristianismo): parte um, dois e três
II - O mundo inteiro é um palco (Terrorismo): parte um, dois e três
III - Não se preocupe com os homens atrás da cortina (Banca): parte um, dois, três, quatro e cinco

Etiquetas: , ,